Translate

1 de agosto de 2014

PINTURAS E SENTIMENTOS - PESSOAS MELANCOLICAS E TRISTES EM PINTURAS - O PERÍODO AZUL DE PICASSO - A MELANCOLIA DE MUNCH







ARTE E SENTIMENTOS

PINTURAS DE PESSOAS TRISTES E MELANCÓLICAS

AS TRISTES E LINDAS MÚSICAS



"Melancolia"
Louis Jean-François Lagrenée
Pintor francês (1724-1808)



A Arte como Manifestação dos Sentimentos

A arte está presente em tudo.
Os artistas manifestam seus sentimentos e os "traduzem" através da arte: na música, na pintura, nos poemas, nos romances literários, nas esculturas, em todas formas artísticas.
É a revelação mais pura dos sentimentos, a mais bela e  a mais significativa.
A arte pode ajudar quem a produz e a seu expectador. Ela pode instigar, pode transformar, contestar, revelar, enfim, não há como ficar inerente a ela. É uma necessidade ao ser humano. Estamos intrinsecamente ligados a muitas formas artísticas, conscientes ou não, faz-se essencial ao nosso ser, à nossa formação como indivíduo sensível e ao mesmo tempo produtivo.

"Melancolia" - Albrecht Durer
Pintor renascentista alemão (1471-1528)


"No período da Renascença e do Romantismo, melancolia era considerada como uma doença bem-vinda, uma experiência que enriquecia a alma. Mas hoje sabemos que essa concepção é equivocada."
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Melancolia

Albert Edelfelt
Pintor finlandês (1854-1905)






A Melancolia em Músicas

As músicas são tristes, mas são belíssimas


Música: "Adágio para Cordas" - Samuel Barber
Compositor americano (1910-1981)




Música: "Adagio em Sol menor" - Albinoni
Compositor barroco italiano(1671-1751)




Música: "Tristan and Isolde - Prelude" - Richard Wagner
Compositor alemão (1813-1883)





A Melancolia

Agonia sem fim
A tristeza
Que paralisa
Vai ao fundo
Para emergir
Em leveza
No início do fim

"Melancolia" - Edgar Degas
Pintor francês (1834-1017)

"Melancolia" - Paul Gauguin
Pintor francês (1848-1903)

"A Carta" - Eliseu Visconti
Pintor ítalo-brasileiro (1866-1944)


"A minha alegria é a melancolia"
(Michelangelo)


Alexandre Cabanel
Pintor neo clássico francês (1823-1889)


"Aquele que nunca viu a tristeza nunca reconhecerá a alegria."
(Khalil Gibran)



A Tristeza nas Pinturas de Van Gogh

Van Gogh
Pintor holandês (1853-1890)

"Retrato do Dr. Gachet" - Vincent van Gogh
Pintor holandês (1853-1890)

Van Gogh

Van Gogh



Picasso e a Triste Fase Azul

O "Período Azul" do pintor Pablo Picasso já denota por si só a frieza da própria cor azul e dos melancólicos semblantes das figuras retratadas. Entretanto, esta fase foi além desta visível tristeza pictórica, pois foi essencialmente um relato do próprio estado de espírito do artista. Picasso sofreu a dor e a tristeza com a perda do amigo e conterrâneo Carlos Casagemas, que suicidou-se quando os dois moravam em Paris.

"A Morte de Casagemas" - Picasso
Pintor espanhol (1881-1973)

"Melancolia" - Picasso

Picasso

"A Mulher Azul" - Picasso


"Picasso manifestava a solidão das personagens isolando-as num ambiente impreciso, com um uso quase exclusivo do azul por mais de dois anos, fato praticamente sem precedentes na história da arte."


"Velho Guitarrista" - Picasso
Pintor espanhol (1881-1973)

"O Cego" - Picasso



"Ele acredita que a arte é filha da tristeza e da dor",
dizia Jaime Sabartés, poeta e amigo de Picasso.

A solidão das crianças, a miséria de pobres, mendigos e cegos, ficam descritos amplamente nos quadros desse momento (da Fase Azul de Picasso).



"A Celestina" - Picasso

"O Asceta" - Picasso

"As Duas Irmãs" - Picasso

"A Tragédia" - Picasso



Música: "Minha Melancolia" - Vadim Kiselev







A Melancolia do Artista Norueguês Munch


Grito e Silêncio

Edward Munch, o pintor do famoso quadro "O Grito", foi um representante da melancolia.
Em muitas de suas pinturas é percebida claramente a tristeza estampada no semblante dos seus retratados.
A própria pintura "O Grito", que o consagrou, reflete o ar desesperado da figura, provavelmente, uma representação do pós-tristeza, onde a figura "explode" em desespero e parece sair correndo e gritando.


"O Grito" - Edward Munch
Pintor norueguês (1863-1944)


Edward Munch
Pintor norueguês (1863-1944)



Munch




Entendendo a Tristeza de Munch

O conhecimento da vida dos artistas se faz importante na medida que eles muitas vezes a retratam em suas artes. 
As pinturas do artista norueguês Edvard Munch são permeadas pela tristeza, pela doença e morte. Isto se explica pelas perdas que ele próprio vivenciou. Com a morte de sua mãe, de tuberculose, quando ele tinha apenas 5 anos, depois aos 14 anos perdeu uma irmã de apenas 15 anos, com a mesma doença.

"A Menina Doente" - Edvard Munch
Pintor norueguês (1863-1944)

"Primavera" - Edvard Munch

"Morte no Quarto" - Edvard Munch

"Leito de Morte" - Edvard Munch

"A Mãe Morta e a Filha" - Edvard Munch

"Melancolia" - Edvard Munch

Munch

Munch

Munch

Munch

Munch

Munch

"Auto-Retrato Depois da Gripe Espanhola" - Munch

"Auto-Retrato" - Munch

"Auto-Retrato" - Munch



Ah quanta melancolia!

Quanta, quanta solidão!
Aquela alma, que vazia,
Que sinto inútil e fria
Dentro do meu coração!
Que angustia desesperada!
Que mágoa que sabe a fim!
Se a nau foi abandonada,
E o cego caiu na estrada -
Deixai-os, que é tudo assim.

Sem sossego, sem sossego,
Nenhum momento de meu
Onde for que a alma emprego -
Na estrada morreu o cego
A nau desapareceu.
(Fernando Pessoa)





"Melancolia - Maneira romântica de ficar triste"
(Mário Quintana)


"A melancolia é a felicidade de se ser triste"
(Victor Hugo)


"Acostumei-me tanto à melancolia que a cumprimento como uma velha amiga."
(Charles Bukowski)


"Cuidado com a tristeza. Ela é um vício."
(Gustave Flaubert)


"A tristeza também provoca doenças."
(Sóflocles)


"Sobre as asas do tempo, a tristeza vai-se embora."
(La Fontaine)



A arte pode ser concebida na vida como uma catarse.
(Denise Ludwig)

E o tempo cura tudo.

A arte alivia a alma, e é também curativa.

(Quase 30 anos de duas perdas irreparáveis, meus pais.)

2 comentários:

  1. Eu fico em dúvida porque pessoas com tendência artísticas , geralmente são triste .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Matheus. O que pode parecer tristeza, talvez seja um alto grau de sensibilidade que os artistas possuem.

      Excluir